All Posts

França: educação para os media e espírito crítico essenciais para dar sentido a “cacofonia de informação”

January 14, 2022

O relatório Les Lumières à l’ère numérique, solicitado pela Presidência da República Francesa a um grupo de especialistas coordenado por Gérald Bronner, aponta o desenvolvimento da educação para os media e do espírito crítico como cruciais para limitar a propagação de conteúdos que fomentem as “desordens informacionais da era digital”.

Consideram os autores do documento que, “face a perturbações de informação tão difíceis de controlar, a melhor resposta é sem dúvida a moderação individual, uma vez que todos se tornaram atores no mercado da informação online”. Neste contexto, a educação para os media e a promoção do espírito crítico são fundamentais para se “melhor avaliar esta cacofonia de informação”. De acordo com o grupo de trabalho que redigiu o relatório, a educação para os media é tida como “tanto mais crucial quanto o ecossistema dos meios de comunicação se torna mais complexo”. Por sua vez, o espírito crítico é apresentado enquanto “a capacidade de confiar sabiamente, após avaliar a qualidade da informação, das opiniões e dos conhecimentos de que dispomos, incluindo os nossos”. Ambos formam “duas abordagens complementares”.

De modo a concretizar este propósito, o relatório estabeleceu sete recomendações:

  • criar uma unidade interministerial dedicada ao desenvolvimento do pensamento crítico e de uma educação para os media capaz de abranger todos;
  • mapear as dificuldades dos alunos, em colaboração com os professores, “a fim de refletir sobre a pedagogia da metacognição”;
  • fazer do desenvolvimento da educação para os media e do espírito crítico uma grande causa nacional;
  • sistematizar a formação nestas áreas, dos alunos aos próprios professores, o que implica “um reforço significativo da rede de referências e coordenadores académicos nestas áreas”;
  • sensibilizar os diferentes agentes escolares para os objetivos e desafios da educação para os media;
  • expandir as preocupações com o desenvolvimento da educação para os media e do espírito crítico à sociedade civil;
  • discutir, nacional e internacionalmente, os desafios éticos dos mundos digitais e de realidade aumentada.

O relatório Les Lumières à l’ère numérique encontra-se disponível aqui, entre os recursos do MILObs.