Voltar

Jogo – Consola retro SEGA Mega Drive

Acabamos as sugestões de videojogos tal como começamos: a enfatizar a importância que a nostalgia desempenha atualmente neste domínio e os muitos modos que há para a satisfazer. Apesar da tremenda evolução que as consolas e os seus videojogos conheceram nas últimas décadas, a crescente sofisticação de ambos permanece de mãos dadas com o apelo de tempos mais simples. Mesmo que seja hoje possível jogar videojogos tremendamente complexos, o retrogaming vive. E fá-lo através da reedição de jogos clássicos para plataformas recentes, como vimos a propósito de Sonic Mania, mas também pelo lançamento de novas versões de consolas clássicas. A SEGA Mega Drive, cuja versão original remonta a 1988, é um exemplo entre vários. Ao fim de três décadas é ainda possível encontrar, numa qualquer grande superfície, esta reinterpretação da clássica consola de 16 bits ao lado de plataformas que a expandiram muito para lá dos seus limites.

Uma sugestão de Pedro Moura